Sahifa fully responsive WordPress News, Magazine, Newspaper, and blog ThemeForest one of the most versatile website themes in the world.
Clara Charf: uma pequena homenagem para uma grande Camarada
setembro 12, 2017
50 anos depois, Guevara vive e sempre viverá!
outubro 9, 2017

Raphael Martinelli: homem de ferro da ALN e nosso amigo camarada

16 de outubro de 1924, quinta-feira, nascia Raphael Martinelli numa pequena casa de madeira do bairro da Lapa em São Paulo. Filho de imigrantes italianos, Raphael seria batizado na igreja da Nossa Senhora da Lapa. Mas logo nos anos 40 ele faria sua real “comunhão” ao Partido Comunista do Brasil e ao movimento sindical brasileiro. Hoje, perto de completar 93 anos, Martinelli ainda é um jovem lutador das causas do povo.

Foi assim que Martinelli recebeu alguns militantes da Organização A Marighella em seu escritório recentemente. O objetivo do encontro era o registro da narrativa de Martinelli sobre do VI e último congresso do PCB em dezembro de 1967, bem como sobre o movimento de gestação da Ação Libertadora Nacional (ALN), além de uma singela homenagem da Organização para esse camarada que é um ícone da luta sindical brasileira. Porém a conversa foi muito maior. Foi uma verdadeira ligação de camaradagem entre o homem de ferro da ALN e a Organização A Marighella.

Por conta dos 50 anos do rompimento de Marighella com o antigo PCB, o Centro Cultural Camarada Velho Toledo (CCCVT), na presença da militância marighellista, tem buscado coletar o máximo de informações e registros de camaradas que vivenciaram aquele período. Com Martinelli não foi diferente. Mas foi muito mais que isso.

Líder ferroviário, homem de Partido, marxista-leninista convicto, stalinista assumido, sindicalista combativo, guerrilheiro por toda vida, jovem popular de idade avançada; e acima de tudo, para todos e todas nós marighellistas: um herói do povo brasileiro, um herói da Pátria!

Esse é Raphael Martinelli, o homem de ferro da ALN, e nosso amigo camarada da Construção do Partido Revolucionário!

Mil vivas ao Camarada Raphael Martinelli, amigo da Organização A Marighella – Construção do Partido Revolucionário!

Mil vivas aos camaradas que, mesmo sendo expulsos depois de vencerem internamente o pacifismo do velho PCB, seguiram na luta pelo Socialismo! E em especial, mil vivas aos que, liderados pelos Comandantes Carlos Marighella e Joaquim Câmara Ferreira, cerraram fileiras na gloriosa Ação Libertadora Nacional!